Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://localhost:8080/xmlui/handle/123456789/250
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.authorFriede, Reis-
dc.date.accessioned2020-11-23T20:26:30Z-
dc.date.available2020-11-23T20:26:30Z-
dc.date.issued2019-
dc.identifier.citationFRIEDE, Reis. O Poder Judiciário nas constituições do Brasil: uma retrospectiva histórica de seu status institucional. Revista CNJ, Brasília, v. 3, n. 1, p. 74-83, 2019.pt_BR
dc.identifier.urihttp://localhost:8080/xmlui/handle/123456789/250-
dc.description.abstractO presente artigo objetiva analisar, de forma resumida, como se operou a evolução do status do Poder Judiciário ao longo da história constitucional brasileira, de modo a comprovar que o patamar político-institucional atualmente experimentado nem sempre ocorreu sob a ótica material, apesar de as diversas Constituições do País, desde 1824 a 1988, terem formalmente acolhido o princípio da separação das funções, o que, no entanto, não chegou a proporcionar ao aludido Poder, em ocasiões pretéritas, a necessária independência diante das investidas de outros poderes da República, em especial as do Executivo.pt_BR
dc.publisherCNJpt_BR
dc.subjectPoder Judiciário, historiografiapt_BR
dc.subjectConstituição, história, Brasilpt_BR
dc.titleO Poder Judiciário nas constituições do Brasil: uma retrospectiva histórica de seu status institucionalpt_BR
dc.typeArticlept_BR
Aparece nas coleções:Artigos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
O Poder Judiciário nas constituições do Brasil.pdf100.08 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.